Frete Promocional Estado de São Paulo R$ 7,50. Antes de fazer o pedido, veja prazo para envio

FRETE PARA TODO ESTADO DE SÃO PAULO - SOMENTE R$ 7,50. Antes de fazer o pedido, veja prazo para envio

Carrinho 0

É possível brilhar neste carnaval, sem prejudicar o meio ambiente

Postado por Taisi Datovo em

No rítimo de carnaval, o glitter faz parte da vida do folião!

Homens e mulheres se jogam na folia com os corpos cobertos por glitter, mas estas pequenas partículas que abrilhantam as fantasias carnavalescas, são verdadeiras vilãs do meio ambiente!

O glitter são pequenos pedaços de plásticos, produzido a partir de placas de PET ou PVC que são metalizadas com alumínio e, depois, tingidas com cores diferentes.

O grande problema do glitter é que seu mínimo tamanho o torna impossível de ser filtrado do sistema de esgoto e acabam indo para os rios e mares, sendo ingeridos por toda a fauna marinha.

E o grande problema para a biodiversidade marinha é o dano que ela pode causar a saúde dos bichinhos. Estes pequenos pedaços de plásticos acabam absorvendo, em todo esse trajeto do escoamento do seu ralo até os mares e rios, produtos tóxicos como metais pesados, pesticidas e diversos outros poluentes. Ao serem ingeridos pelos animais, podem causar danos irreparáveis à saúde da biodiversidade.

Os microplásticos prejudicam desde o início da cadeia de alimentação aquática, como os plânctons, até ostras, mexilhões, peixes e moluscos.

Estes microplásticos afetam desde o seu crescimento até sua alimentação como um todo e, consequentemente, impactar toda a cadeia de alimentação.

Plânctons, por exemplo, são um alimento dos peixes, que, por sua vez, alimentam os humanos.

Não só os glittes fazem parte dos microplásticos, mas os microbeads, ou grânulos, presentes em pastas de dentes e esfoliantes também fazem parte dessa cadeia de cosméticos prejudiciais à vida marinha.

Uma alternativa natural para não deixar de brilhar no carnaval, é o pó de mica. A mica é um tipo de rocha que inclui diversos minerais A mica é encontrada em abundância na biodiversidade brasileira e é atóxica, isto é, pode usar sem medo, pois não há problema em voltar para o ambiente.

É importante saber que os microplásticos não existem apenas no glitter. Tudo que é plástico um dia será microplástico. E outros produtos como cosméticos e esfoliantes também podem conter plástico em tamanho reduzido, já no formato microplástico.

Por isso, fique atento aos rótulos. Se encontrar os nomes polyethylene ou polypropylene no seu esfoliante, por exemplo, você já sabe: contém microplástico!

Os esfoliantes da VcBella e da Potiza são feitos com cristais de quartzo, que além de esferas perfeitas que esfoliam sem agredir, são feitas com produtos da natureza. Assim com as Loções Corporais com Brilho da Potiza, que dão um glow todo especial em sua pele, sem agredir o meio ambiente, pois são feitos com mica!

Busque sempre produtos veganos e pet friendly para garantir que sua curtição e os cuidados com o seu corpo, sem prejudicar a biodiversidade!


Compartilhe esta postagem



← Post anterior Post seguinte →